Planeta Flix

Um filme em duas versões, uma na Netflix e outra no Prime

Gloria está na Netflix. Gloria Bell está no Amazon Prime Vídeo. Os dois filmes contam a mesmíssima história, são dirigidos pelo mesmo diretor, o chileno Sebastián Lelio, foram realizados com cinco anos de diferença um do outro — Gloria em 2013, no Chile, Gloria Bell em 2018, nos Estados Unidos.

Explica-se: quando recebeu o Oscar de melhor filme estrangeiro por Uma Mulher Fantástica (2017), Lelio começava também uma carreira no cinema americano. No mesmo ano em que ganhou a estatueta, ele realizou o drama Desobediência, com Rachel Weisz.

Não demorou a voltar às telas dirigindo Julianne Moore em Gloria Bell, no qual resolveu refilmar seu quarto longa, vencedor de três prêmios no Festival de Berlim de 2013 — Prêmio do Júri Ecumênico, Prêmio do Sindicato dos Cinemas de Arte da Alemanha e o de melhor atriz, para Paulina García, pelo papel que na segunda versão é de Julianne Moore.

Gloria/Gloria Bell contam a história de uma mulher de meia-idade, divorciada, com dois filhos adultos, que adora sair para dançar à noite e aproveitar a liberdade que ganhou na idade madura. Até que começa a namorar um homem que se diz também separado, mas aos poucos descobre que ele não estão tão desligado assim do passado.

Gloria Bell entrou no Amazon Prime e, coincidentemente, pouco depois Gloria chegou a Netflix. Qual dos dois é melhor? Difícil dizer porque os dois filmes são exatamente iguais. Sebastián Lelio fez um decalque quase que absolutamente fiel ao trabalho que já havia realizado.

Diferenças são sutis. Por exemplo, há em Gloria referências a uma contextualização política que não existe ou é quase despercebida em Gloria Bell. O primeiro tem na trilha sonora músicas brasileiras como Águas de Março e Lança Perfume, o segundo é embalado por uma seleção de hits dos anos 1980/1990.

Ambos, porém, contam com grandes interpretações de Paulina García e Sérgio Hernández, na versão chilena, e Julianne Moore e  John Turturro, na versão americana. Paulina, aliás, pode ser vista na Netflix em La Misma Sangre, O Mediador e na série Narcos. Hernández está no Prime em Tenho Medo Toureiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: