Livros Visuais

Designer relata em livro suas viagens em busca da arte

20211112_090116-1
EM PRÉ-VENDA AQUI

Fátima Bueno ainda era estudante de Artes Visuais na Universidade de Brasília (UnB), quando começou a buscar em viagens um complemento ao seu aprendizado como artista.  A primeira delas foi em 1983, para um estágio de estudos em São Francisco, Estados Unidos. Muitas outras vieram desde então, até serem impedidas, em 2020, pela pandemia do coronavírus.

O período que ficou em casa, porém, inspirou a designer mineira — radicada em Brasília — a reunir as anotações que fez durante essas viagens e transformá-las em livro. Assim, ela lança no próximo sábado (21/11), às 17h, no Museu de Arte de Brasília (MAB), Arte Como Destino — Viagens e Conexões, no qual reúne uma série de relatos de sua experiência como artista-viajante em cidades do Brasil e do Mundo.

No livro, que sai pelo selo editorial Boníssimo! Edições, o leitor acompanha a autora em suas passagens por duas edições da Bienal de São Paulo, pela Documenta de Kassel, por salões de design em Milão, conferências sobre arte e tecnologia no País de Gales e em um evento sobre desenho de mobiliário em Chapecó (SC), entre outras viagens.

Bandeirinhas de Daniel Buren em Kassel 1997
Bandeirinhas de Daniel Buren na Documenta de Kassel, em 1997/ Foto: Acervo pessoal

Mas Fátima Bueno não se limita a relatar o que vê em museus e galerias – por vezes mergulha na história dos lugares por onde passou, apresenta personagens curiosos que cruzaram seu caminho e narra imprevistos de percurso, criando, dessa forma, um misto de livro de viagem e livro de arte, no mesmo estilo fluente visto em seus livros anteriores, Estou na Quadra (2010) e Do Peixe Vivo à Geração Coca-Cola: Música em Brasília 1960-1980 (2017).

Há também espaço para outras “viagens”, como a experiência com o Santo Daime, o desafio de fazer a curadoria do Projeto YearZeroZero (2000), na Galeria da Universidade de Brasília, ou a epopeia que enfrentou para registrar no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) uma de suas criações, o Bicolé, um suporte para reutilização de sacolas plásticas de supermercado.

Fátima Bueno / Veneza
Trânsito de barco pela Laguna de Veneza, em 1997/ Foto: Acervo pessoal

O livro é ilustrado por fotos do acervo pessoal da autora e traz apresentação da professora e escritora Angélica Madeira, para quem, os roteiros narrados por Fátima Bueno “são caminhos permeados de experiências reveladoras do desejo profundo de buscar suplementos para a construção de uma subjetividade singular em que a arte ocupa lugar central”.

Serviço
Lançamento Arte Como Destino
Dia 21 de novembro (domingo), a partir das 17h
No Museu de Arte de Brasília (MAB), Setor de Hotéis e Turismo Norte
O livro está em pré-venda na loja on-line do Boníssimo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: