Cinema

Cinema do CCBB reabre exibindo obra completa de Fellini

Programada para acontecer no início do ano, no cinema do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB Brasília), a mostra Fellini, Il Maestro teve que esperar oito meses. Entre os dias 1º e 27 de dezembro, o projeto finalmente ganha a tela do espaço, que esteve fechado desde março.

Em sessões com entrada franca, serão exibidos 24 títulos, cobrindo toda a filmografia do diretor italiano. Desde a estreia em Mulheres e Luzes (1950), codirigido por Alberto Lattuada, até A Voz da Lua (1990), com o qual Fellini encerrou a carreira, passando por clássicos como A Doce Vida (1960, foto)

“Fellini teve muitas faces, do neorrealista ao onírico, passando pelo crítico social implacável. Todos eles estão presentes na mostra”, ressalta Paulo Ricardo Gonçalves de Almeida, editor da revista de cinema Moviola e curador da mostra.

Fellini, Il Maestro homenageia o centenário de nascimento do diretor, celebrado em 20 de janeiro de 2020. Além dos filmes, a programação inclui masterclass e debate, transmitidos por modo virtual e abertos ao público.

Tania Montoro conduz a masterclass dia 1º/12, às 20h. “Pretendo exibir trechos selecionados de filmes com análises sobre a linguagem cinematográfica e o estilo singular de fundir realidade e ficção”, ela antecipa.

No dia 17/12, também às 20h, Tania se junta a João Lanari em debate que pretende ser “um diálogo aberto sobre a relação dialética que se estabelece entre personagens, diálogos, cenários, histórias, dentro do marco de um cinema com elevada qualidade artística”, diz.

Quem assistir a cinco sessões e juntar os ingressos, tem direito a uma exemplar do livro-catálogo da mostra, que reúne artigos críticos, ensaios, entrevistas, filmografia, fotos, etc, em mais de 400 páginas.

O acesso a masterclass e debate será por link disponibilizado pelo CCBB Brasília em suas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.  A programação completa de filmes pode ser conferida abaixo:

01/12 (terça):
20:00 – Masterclass com Tania Montoro. Livre

02/12 (quarta):
17:00 – Amores na Cidade (Itália, 1953). 115 min. Livre.
20:00 – Entrevista (Itália, 1987). 108 min. Livre.

03/12 (quinta):
17:00 – A Trapaça (Itália, 1955). 113 min. Livre.
20:00 – A Estrada da Vida (Itália, 1954). 108 min. Livre.

04/12 (sexta):
17:30 – Abismo de Um Sonho (Itália, 1952). 86 min. Livre.
19:45 – Amarcord (Itália, 1973). 123 min. Livre.

05/12 (sábado):
14:00 – Mulheres e Luzes (Itália, 1950). 93 min. Livre.
16:30 – Noites de Cabíria (Itália, 1957). 110 min. Livre.
19:30 – Oito e Meio (Itália, 1962). 138 min. Livre.

06/12 (domingo):
13:30 – Abismo de Um Sonho (Itália, 1952). 86 min. Livre.
16:00 – Bocaccio 70 (Itália, 1962). 205 min. Livre.
20:15 – Os Palhaços (Itália/França/Alemanha, 1970). 92 min. Livre.

08/12 (terça):
17:45 – A Director`s Notebook (EUA, 1969). 60 min. Livre.
19:45 – Satyricon de Fellini (Itália, 1969). 129 min. 14 anos.

09/12 (quarta):
16:45 – Histórias Extraordinárias (Itália/França, 1965). 121 min. Livre.
19:45 – A Voz da Lua (Itália, 1990). 122 min. Livre.

10/12 (quinta):
16:30 – Amarcord (Itália, 1973). 123 min. Livre.
19:30 – E la Nave Va (Itália, 1983). 132 min. Livre.

11/12 (sexta):
16:00 – A Cidade das Mulheres (Itália/França, 1980). 139 min.
19:15 – Casanova de Fellini (Itália, 1976). 155 min. 14 anos.

12/12 (sábado):
14:30 – A Voz da Lua (Itália, 1990). 122 min. Livre.
17:30 – Julieta dos Espíritos (Itália, 1965). 137 min. Livre.
20:45 – Ensaio de Orquestra (Itália, 1978). 70 min. Livre.

13/12 (domingo):
14:30 – Entrevista (Itália, 1987). 108 min. Livre.
17:30 – Noites de Cabíria (Itália, 1957). 110 min. Livre.
20:15 – Mulheres e Luzes (Itália, 1950). 93 min. Livre.

15/12 (terça):
17:00 – Ginger e Fred (Itália, 1986). 125 min. Livre.
20:00 – Os Boas Vidas (Itália, 1953) 107 min. Livre.

16/12 (quarta):
17:45 – A Diretor’s Notebook (EUA, 1969). 60 min. Livre.
19:45 – Satyricon de Fellini (Itália, 1969). 129 min. 14 anos.

17/12 (quinta):
14:00 – Estrada da Vida (Itália, 1954). 108 min. Livre.
17:00 – Oito e Meio (Itália, 1962). 138 min. Livre.
20:00 – Debate Fellini com Tania Montoro e João Lanari Bo. Livre.

18/12 (sexta):
17:15 – Os Palhaços (Itália/França/Alemanha, 1970) 92 min. Livre.
19:45 – Roma (Itália, 1972). 120 min. Livre.

19/12 (sábado):
16:00 – Histórias Extraordinárias (Itália/França, 1965). 121 min. Livre.
19:00 – A Doce Vida (Itália, 1960). 174 min. Livre.

20/12 (domingo):
14:30 – A Trapaça (Itália, 1955). 113 min. Livre.
17:30 – Ginger e Fred (Itália, 1986). 125 min. Livre.
20:45 – Ensaio de Orquestra (Itália, 1978). 70 min. Livre.

22/12 (terça):
16:30 – Amarcord (sessão inclusiva) (Itália, 1973). 123 min. Livre.
19:30 – A Cidade das Mulheres (Itália/França, 1980). 139 min. Livre.

23/12 (quarta):
16:15 – E la Nave Va (Itália, 1983). 132 min. Livre.
19:30 – Julieta dos Espíritos (Itália, 1965). 137 min. Livre.

26/12 (sábado):
16:15 – Os Boas Vidas (Itália, 1953) 107 min. Livre.
19:00 – A Doce Vida (Itália, 1960). 174 min. Livre.

27/12 (domingo):
18:55 – Casanova de Fellini (Itália, 1976). 155 min. 14 anos.
19:45 – Roma (Itália, 1972). 120 min. Livre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: