Cinema

Festival Varilux faz sessão virtual da comédia Sou Francês e Preto

O Festival Varilux do Cinema Francês dá início na próxima quinta-feira (19/11) a sua edição 2020 presencial. Serão exibidos em várias cidades do país, até 3 de dezembro, um documentário e 17 longas de ficção. Brasília está incluída, com sessões no Espaço Itaú (Casa Park) e Cinemark (Pier 21).

Mas na sexta-feira (20/11), às 18h, haverá uma sessão online e gratuita do filme Sou Francês e Preto, de Jean-Pascal Zadi e John Wax, que levou mais de 800 mil espectadores às salas de cinema na França. É a história de um ator de 40 anos, mal-sucedido, que decide organizar o primeiro grande protesto pela causa negra na França.

O motivo da sessão especial é lembrar o Dia Nacional da Consciência Negra. Por isso, a exibição será seguida de bate-papo, às 19h30, mediado pelo cineasta e crítico de cinema Clementino Jr. Participam o cineasta Joel Zito Araújo, a pesquisadora e coordenadora do FICNE (Fórum Itinerante de Cinema Negro) Janaína Oliveira e o ator, diretor e roteirista Alberto Pereira Jr.

Para assistir ao filme é preciso fazer inscrição pelo Eventbrit.com.br e obter senha para acessar o filme no Vimeo. Para acompanhar o debate, não é necessário se inscrever, basta entrar na página do Festival Varilux no Facebook ou no YouTube. O público poderá participar e enviar perguntas pelo chat ao vivo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: