Comer & Beber

Central do Cerrado coloca o bioma ao nosso alcance

A distribuição é um gargalo na relação entre pequenos produtores e consumidores. A internet tem facilitado, mas tudo ainda muito disperso. Daí ser tão importantes iniciativas como a Central do Cerrado. A cooperativa reúne organizações comunitárias que desenvolvem atividades produtivas a partir do uso sustentável da biodiversidade do Cerrado e da Caatinga.

Esta semana, entrou no ar o novo site da Central. A lojinha, onde se pode comprar os produtos e receber em casa em qualquer parte do país, é de encher os olhos de quem aprecia as delícias típicas desses dois biomas. Frutas como licuri, jenipapo, umbu, baru, babaçu, coco, macaúba, cacau e pequi, é claro, aparecem no catálogo como matéria-prima para óleos, pastas, doces, geleias, azeites, molhos, biscoitos, farinhas.

Também estão à venda peças de artesanato — como cestaria de capim dourado e peças em madeira de buriti –, cosméticos feitos desses mesmos frutos, além de produtos de limpeza — a exemplo de sabão de coco em pó e em barra. Tudo produzido por cooperativas e pequenos produtores de Goiás, Bahia, Minas, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Maranhão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: