Lobo Fest leva curtas premiados ao Cine Brasília

O Lobo Fest – Festival Internacional de Filmes abre no dia 27 de novembro sua 10ª edição. Até 4/12, passam pela tela do Cine Brasília extensa programação de curtas, premiados recentemente em festivais como os franceses de Cannes, Clermont-Ferrand e Annecy e o de Locarno, na Suíça.

Partindo do tema Cinema do Presente, a seleção de filmes — com duas mostras competitivas, nacional e internacional — reúne mais de 200 produções, de 53 países, privilegiando novas linguagens e experimentações. Na foto acima, Hello Rain, do nigeriano C.J. ‘Fiery’ Obasi

A man falls from the sky/ Divulgação
A Man Falls From the Sky

Às competições, somam-se as mostras temáticas Cinema, Presente! e Radar (o que está pulsando no mundo), Do Outro Lado do Espelho (filmes dirigidos por mulheres), Lobo Azul (para jovens autistas) e Segredo dos Seus Olhos (sessões com audiodescrição).

Há ainda E Por Falar em Saudade (com temáticas e personagens idosos) e uma mostra em homenagem à cineasta ucraniana Kira Muratova, que morreu em junho deste ano, aos 83 anos. Para completar, sessões especiais dos infantis Lobinho, Meu Pé de Laranja Lima e De Boa na Lagoa.

Me balance suavemente / Divulgação
Me Balance Suavemente

 “Temos muitas produções de jovens cineastas, o que traz um frescor para a programação”, aponta Ulisses de Freitas. “Para nós, o curta não é apenas uma etapa para a posterior realização de longas, mas um formato contundente e autossuficiente”, comenta Josiane Osório.

Ulisses e Josiane integram a equipe de curadores, ao lado dos professores Érika Bauer e Ciro Inácio Marcondes, dos críticos Gustavo Menezes e Fábio Krispin e o produtor audiovisual Rodrigo Martins (seleção dos curtíssimos).

Entre 4 mil títulos, a equipe optou por produções realistas ou oníricas, dramas, filmes de gênero, documentários e animações, boa parte assinada por mulheres. A programação completa está no site oficial do Lobo Fest.

Anúncios