A cantora canadense Elise LeGrow é sensacional!

Elise LeGrow é  uma cantora canadense de 30 anos, com apenas um álbum gravado, “Playing Chess”. O disco foi lançado em 2016 e relançado este ano. Difícil para quem o ouve agora entender como “Playing Chess” passou batido por esses dois anos.

É simplesmente sensacional. Elise LeGrow canta muito, é intérprete de uma maturidade e uma forma impressionantes — pode lembrar Amy Winehouse em alguns momentos, mais pelo estilo musical do que pelo estilo pessoal.

No disco, a canadense recria 12 clássicos do catálogo da Chess Records, aquela gravadora que teve sua história contada no filme “Cadillac Records” (2008), dirigido Darnell Martin, com Beyoncé no elenco.

A Chess Records esteve em atividade entre as décadas de 1940 e 1960 e era especializada em blues, rhythm and blues, gospel e jazz. Na seleção de Elise entram canções  como “Can’t Shake It” e “You Never Can Tell”, orignalmente gravadas por Etta James e Chuck Berry, respectivamente.

A produção, impecável, é assinada a seis mãos pelos produtores Steve Greenberg (que descobriu, entre outros Joss Stone e Jonas Brothers), a cantor/compositora Betty Wright e Michael Mangini (que já trabalhou com artistas como David Byrne e Bruce Hornsby).

“Playing Chess” é um desses discos que você fica feliz de descobrir, mesmo com atraso. Então não perca tempo, ouça-o agora.

 

 

Anúncios