” Viver é muito doentio. Digamos: deliciosamente doentio e maravilhosamente assustador.”, João Silvério Trevisan, escritor, à Continente.

Anúncios