Grafites: um passeio pelos muros de todo o mundo (1)

Reprodução

O muralismo é hoje uma das formas de expressão mais eloquentes em todo o mundo. Os grafites são poemas visuais que cortam as paisagens urbanas, expressam beleza, mas também servem como meio de discurso político e social.

Inaugura-se aqui uma série semanal que vai apresentar alguns dos artistas mais atuantes nesta forma de arte em diferentes países. A exemplo do britânico D*Face e dos franceses Amandine Urruty & Nicolas Barrome, presentes neste post.

Reprodução

“Last Embrace Before Departure” foi criado por D*Face (na verdade, o londrino Dean Stockton) para o ArtScape Festival Malmo, na Suécia. O artista é dono da Outside Institute, primeira galeria de arte contemporânea de Londres voltada para a arte de rua, e já fez capas de discos para Christina Aguillera (“Bionic”) e Blink-182 (“California”).

Reprodução

O mural acima também foi criado para um festival. Os autores são os franceses Amandine Urruty & Nicolas Barrome. O evento, Bukruk Festival 2013, em Bangkok, Tailândia. Os dois artistas têm desenvolvido projetos em parceria, principalmente em festivais como esse em Bangkok e o Le 4Meme Mur, mas também mantêm seus trabalhos individuais.

Reprodução

João Samina é um arquiteto e artista muldimídia português que trabalha com arte de rua desde os 14 anos. Seus grafites podem ser vistos em prédios de várias cidades de Portugal e em localidades da Europa e até da Índia. O mural acima foi produzido em 2011 para a Galeria de Arte Urbana, projeto de street art desenvolvido na capital portuguesa.

Reprodução

“The Wall Along Wilshire” é uma criação coletiva feita num dos pedaços remanescentes do antigo Muro de Berlim. Foi produzido para comemorar o 20º aniversário da queda do muro, pelos artistas multimídia Kent Twitchell, Farrah Karapetian e Marie Astrid González, que vivem em Los Angeles, e o berlinense Thierry Noir .

Reprodução

O irlandês Conor Harrington vive atualmente em Londres. É conhecido por combinar elementos vintage e contemporâneos, alcançando um efeito dramático em suas criações. Além dos murais, ele também produz obras para galerias, tendo realizado exposições individuais em Londres e Nova York.

Anúncios