Gossip ressuscita em álbum solo de Beth Ditto

Divulgação

Cinco anos depois do fim do Gossip, a vocalista Beth Diddo lança o primeiro disco solo, “Fake Sugar”. Quem morre de saudades da banda indie vai ficar feliz ao descobrir que a Gossip era, na verdade, Beth Ditto.

“Fake Sugar” lembra muito o som do grupo, sobretudo do sensacional álbum que encerrou a trajetória do Gossip, “A Joyfull Noise”, de 2012. Mas puxa para um lado mais pop, menos pesado e muito muito dançante (“Oo La La” é irresistível)

Beth Ditto já havia ensaiado um solo antes mesmo do fim da banda. Em 2011, ela lançou um EP bem bacana, com quatro faixas — pode ser baixado, pago, no site MP3va. Ali já dava indícios do que poderia fazer sozinha.

Quer dizer, não tão sozinha. Em entrevista a O Globo, Beth disse que “Fake Sugar” é Gossip, só que sem o baixista Nathan Paine, com quem ela compunha. Não há, porém, como negar que é o vocal poderoso dela que paira sobre tudo.

E personalidade Beth tem não só na voz. Fugindo completamente ao estereótipo das divas pop fabricadas em série, a cantora sabe o que tem de fazer para se impor sendo gorda e lésbica.

Indo contra a corrente, já desfilou para Jean Paul Gaultier, foi garota propaganda da marca de cosméticos MAC e estrelou recentemente um ensaio para a revista Vogue. Mas nem precisava de tudo isso para encantar, bastaria soltar a voz como faz em “Fake Sugar”.

Anúncios