“Sobre a Tirania” é cartilha básica para nosso tempo

Recém-lançado no Brasil, “Sobre a Tirania”, do historiador americano Timothy Snyder, é leitura obrigatória nestes dias incertos em que vivemos. O livrinho é pequeno mas seu conteúdo é capaz de provocar reflexões profundas.

Sobre a TiraniaA origem do livro foi um post publicado por Timothy Snyder no Facebook poucos dias após a eleição de Donald Trump para a presidência dos Estados Unidos. Nele, o historiador listava 20 lições a serem tiradas do século 20 para evitarmos a tirania hoje.

A lista logo passou a ser compartilhada por milhares de pessoas. O interesse despertado levou o autor a desenvolver cada um dos tópicos, sem perder o senso de urgência, mas tampouco o senso de profundidade.

Assim, surgiu “”Sobre a Tirania — Vinte Lições do Século 20 para o Presente” (Companhia das Letras, 132 págs., R$ 24,90). “A ideia inicial era explicar, o mais rápido possível, o que fazer para combater esse mal”, disse Snyder em entrevista à Veja.

“Não obedeça de antemão”, “Cuidado com o Estado de partido único”, “Cuidado com os grupos paramilitares”, “Investigue”, “Contribua para as boas causas” são alguns dos conselhos dados pelo autor, ilustrados por fatos vividos no século passado.

“Quando as pessoas armadas que sempre afirmaram ser contra o sistema começam a usar uniformes e a desfilar com tochas e com retratos de um líder, o fim está próximo. Quando o grupo paramilitar favorável ao líder se unir à polícia e às Forças Armadas oficiais, o fim chegou” (Trecho)

Na edição brasileira, “Sobre a Tirania” ganhou apêndice com uma ilustração para cada uma das lições dadas por Timothy Snyder. As imagens foram criadas por designers como Marcos Mello, Sarah Bonet, Kiko Farkas, Hélio de Almeida e Thiago Lacaz.

Os 20 cartazes produzidos pelos artistas visuais convidados pela Companhia das Letras compuseram uma exposição, que ficou em cartaz em junho no Conjunto Nacional, na Avenida Paulista, em São Paulo.

Veja os cartazes: Em O Globo: Designers brasileiros interpretam “Sobre a Tirania”, de Timothy Snyder

 

Anúncios